domingo, 15 de fevereiro de 2009

Eletronicamente falando...




Nessas últimas semanas tenho estado muito ocupado, a maior parte da culpa disso é a Eletrônica, estou no 3º ano do técnico de Eletrônica, e fazendo paralelamente ao Ensino Médio, resultado, estudo em dois turnos(tarde e noite) todo santo dia de semana. Sem saber o que postar nesse final de semana, resolvi criar esse post, que funcionará como coluna semanal(pelo menos vou tentar postar alguma coisa por semana).

Bom, nessa coluna, eu vou falar um pouco do que sei desse interessante mundo da eletrônica, não vai ser uma aula chata sobre fórmulas, mas sim curiosidades e coisas interessantes que talvez, ajude a vocês olharem ao seu redor de um modo diferente!

Capítulo UM - A Eletrônica e a Elétrica

O engraçado de se fazer técnico em eletrônica, é que muita gente acha que você vai virar eletricista, mas na verdade, existe diferenças gritantes entre as duas ciências, Eletrônica e Elétrica. Enquanto a Elétrica trabalhamos com altas tensões e com equipamentos maiores, A eletrônica, que é o foco dessa coluna, trabalhamos a maioria das vezes com tensões menores, equipamentos menores, mais complexidade, e funcionabilidade.
A eletrônica está mais ao seu redor do que muitos pensam, qualquer equipamento, por mais simples que seja, usa eletrônica, seu relógio, controle remoto, calculadora, seu mouse, tudo gira em torno da mais simples eletrônica.

Sendo a base de tudo, da eletrônica vieram ciências mais atuais, como a Informática e Telemática, no começo, a eletrônica era mais rústica, baseada na chamada "Eletrônica Linear", que se trata de fenômenos físicos e químicos dentro da eletrônica.
Por exemplo, um dos principais componentes da eletrônica se chama Transistor, para criar um circuito da sua calculadora por exemplo, são usados centenas de transistores, veja uma foto de um transistor abaixo:


Como colocamos centenas de transistores em uma calculadora pequena? Voilá, ai vem a chamada "Eletrônica Digital", que pega centenas de transitores e coloca em uma única caixinha, que chamamos de "Circuito Integrado" ou "CI", veja a foto:


Daí, cada vez mais a Eletrônica evoluiu, e se transformou no carro chefe da evolução tecnológica humana.

Na próxima semana, saberemos um pouco como os circuitos se comunicam, qual o funcionamento real de alguns componentes, e tentar explicar como coisas simples bem combinadas podem se transformar em algo inacreditável.

Até a próxima!

2 comentários:

Doutor Radioativo disse...

Quando eu fiz o técnico, eu odiva eletronica, não tinha jeito.

quem sabe lendo esta coluna eu mude um pouco de opinião, vamos ver!!!!

Aslan disse...

bacana

BlogBlogs.Com.Br