quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Batendo uma pelada-Uma matéria sobre a influência do futebol na sociedade brasileira (2)


Na matéria anterior desta série de apenas dois capítulos (ou seja, esse é o último, dã) muitos leitores postaram os seus desagr...pertinentes comentários, muitos deles voltando a conversa, curiosamente, para o assunto que seria tema deste segundo capítulo, por isso, antes de começar a minha argumentação, postarei alguns comentários sem corrigir os erros gramaticais, pois não sou professor Pasquale) do post anterior:

"Jenny Taylor disse...
Os times do Norte/Nordeste vão sumir.Por que os torcedores preferem torcer pros times do Sudeste.E o que eu já escutei de torcedor xiita de time paulista falando que não quer "essa gente" torcendo pro time deles. Dava pra encher um livro.A gente torce pro time que tá perto da gente, que dá pra ir no estádio, que tem camisa pra comprar em qq camelô. Isso é paixão pelo futebol.Torcer pra quem tá longe é frio e modinha."


"Doutor Radioativo disse...
Concordo com relação ao descaso com times do nordeste, norte...mas deve-se lembrar que a massa (a mesma do coruinthians e flamengo) só assisti a Globo e lá só vão ver jogos de times do Sudeste...assim até mesmo os nordestinos e afins que quiserem assistir a partida de seu time, que vá aao estadio ou mude para um time paulista"


"Jenny Taylor disse...
E os times pequenos do sudeste?Não passa jogo do Juventus na Globo e mesmo assim, conheço gente que não o trocaria por time grande algum.A questão é muito mais complexa e nasce naquele ponto que é delicado falar, mas a verdade é que muita gente do Norte/Nordeste ainda tem aquela mentalidade de que, o que vem do Sul é melhor."

"A-ha disse...
Ah, tudo nasce no príncipio que nos últimos 5 campeonatos Brasileiros foram vencidos por times de São Paulo, e os títulos internacionais também vêm do Sul...não culpo ninguém do Nordeste por achar que do Sul vêm o melhor futebol.."

"Jenny Taylor disse...
Mas a questão "por que os times pequenos do sudeste tem torcida enqto os do nordeste vão sumir?" continua...Quem nasce torcendo pra Lusa, não vira Corinthiano, quem nasce torcendo pro America, não vira Flamenguista...Mas quem nasce torcendo pro Camaçari, vira Fluminense.
"

Bom, o assunto é muito mais complexo do que pensamos, não, não se resume só ao fato dos times do eixo sul-sudeste terem ganho os últimos títulos nacionais (e internacionais também), mas envolve questões culturais do BRASIL (não eu, o país), questões essas, a ser tratadas nos próximos parágrafos.

Ao dar uma "rodada" pelas comunidades futebolísticas, vemos vários comentários como "nordeste é o câncer do Brasil" e "o pior futebol do Brasil está no NE", afirmações que refletem inverdades, afinal ,o nordeste tem 2 títulos nacionais bem distribuídos , coisa que nem o Norte, nem o Centro-Oeste possuem.

Vemos em vários epísodios do futebol brasileiro, a mídia cada vez mais se tornando um fator importante (e decisivo),como na polémica de 1987, ou na denuncia de corrupção feita pela revista "Placar" em 1982, envolvendo um importante clube carioca.

Esse fator decisivo da mídia, que acaba escolhendo quem são os times grandes, acaba classificando tradiocionalissimas equipes nordestinas como "pequenas" e clubes como o Sport Recife (time campeão brasileiro e revelador de lendas como Queixada e J.Pernambucano) e o Bahia (campeão brasileiro e revelador de lendas como Bobô) acabam caindo neste estereótipo.

Nisto, entramos em uma discussão tão polémica quanto esta, o que define um time "grande"?

O Juventus paulista, citado nos comentários, por exemplo, não apresenta influencia cultural nenhuma, diferente de diversos times do NE, que TEM SIM TORCIDA FIEL, embora, ainda tenha a influencia de times do eixo Sul/Sudeste, o Eixo Nordeste esta se desenvolvendo muito, com equipes como o Vitória, que tem certa influencia regional, e está usando isto em campanhas como "Eu sou Vitória" que leva a torcida aos estádios, tanto é que o time foi a grande surpresa do Campeonato Brasileiro 2008, tirando pontos de muitos times considerados "maiores".

A modernização está chegando sim, aos poucos, ao futebol do NE, só que sabemos que o Nordeste é uma região pobre, que seu povo tem que aguentar muitas desgraças, ao contrario de outras regiões ligeiramente mais favorecidas, e isto, logicamente, gera o efeito "o que vem do Sul é melhor", o que não é verdade.Nem sempre.

Devido a isso, as coisas chegam mais lentamente na região do Nordeste (muito mais ainda na região do Norte) mas elas vão chegar.E nesse dia, a estrela do futebol nordestino voltará a brilhar.

Este texto reflete apenas a minha opinião, continuem as discussões apresentadas aqui no espaço dos comentários!

5 comentários:

Jenny Taylor disse...

Gentchy, assim vou ficar famosa. rs

O Juventus não tem impacto cutural, mas as pessoas que torcem pra ele, seguem fazendo isso o resto da vida.

Enqto torcedores do Bahia (q é um time mto mais tradicional) migram pra times do sudeste.

Eu sou Botafoguense, meu time tá na lama tem uns bons janeiros, desorganizado até, mas nem por isso vou torcer pro Palmeiras, por exemplo...

Tem muito torcedor que ama seu time acima de tudo no nordeste, mas as vezes eu fico com a impressão de que a quantidade de desistentes é maior.

Capitão Brasil disse...

Sério jenny, já morei em Salvador e nunca vi nenhum torcedor do bahia "misto"

E a fama é marecida, seus argumentos são muito bons.

Capitão Brasil disse...

Tem muito clube no NE com misto?

Tem.

Mas os grandes mesmo não tem mistos.

Sport, nautico, Vitória, Bahia e Santa Cruz pro exemplo (grandes em impacto cultural).

Capitão Brasil disse...

Alias Jenny, o time acusado de corrupção foi o Botafogo XD

Aslan disse...

=D=D=D

BlogBlogs.Com.Br